Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Roda de Conversa sobre violência - RADIO MAIS ON LINE

Fale conosco via Whatsapp: +55 11 96 84 84 216

No comando: MUSIC BOX

Das 01:00 às 08:59

No comando: CAMINHEIROS DE JESUS

Das 09:00 às 10:00

No comando: DIRETO AO PONTO

Das 10:00 às 10:59

No comando: PODCAST RADIOMAIS

Das 11:00 às 12:00

No comando: TOP 10 RADIO MAIS

Das 12:00 às 12:59

No comando: SALADA MISTA

Das 13:00 às 15:29

No comando: RADIOLA

Das 16:30 às 19:00

No comando: RADIOATIVIDADE

Das 19:00 às 22:00

No comando: TOP 10 RADIOMAIS

Das 22:00 às 22:59

No comando: OVERDOSE

Das 23:00 às 01:00

Roda de Conversa sobre violência

Secretaria de Políticas para Mulheres e Cras Caiuby fazem roda de conversa sobre violência doméstica

                Hoje (11/03) pela manhã as integrantes do curso de corte e costura do Centro de Referência em Assistência Social (Cras) do Jardim Caiuby receberam uma palestra sobre violência doméstica. A ação faz parte do calendário da Secretaria de Políticas para Mulheres em comemoração ao Dia Internacional das Mulheres. O tema, no entanto, será abordado mensalmente pelo Cras em rodas de conversa para que as participantes se tornem multiplicadoras dos direitos das mulheres e possam agir em casos de violência.

                A violência doméstica é uma realidade cotidiana na região do Jardim Caiuby. De acordo com a coordenadora, Cristiane Teixeira da Silva, esse tipo de caso costuma ser identificado no órgão e os atendimentos contam com apoio de uma psicóloga e assistente social. Devido a grande quantidade de ocorrências, o tema será abordado ao longo do ano inteiro e não somente em datas comemorativas. “Queremos fazer a prevenção da violência doméstica e orientar sobre os canais de denúncia por meio dessas reflexões. Com o empoderamento, a mulher está dizendo um basta e não aceita mais essa situação”, afirmou.

                A palestra do Cras contou com a presença da secretária adjunta de Políticas para Mulheres, Simone Patrícia Soares, do diretor da pasta, Marcus Lima e da coordenadora desta mesma secretaria, Joelma Santos Oliveira. Eles fizeram uma roda de conversa com orientações sobre a rede de atendimento às mulheres vítimas de violência que é oferecido no município. “Vamos falar, mas também vamos ouvir o que elas têm a nos contar. Não adianta a gente falar de leis se as mulheres não conseguem identificar a violência. Temos de fazer com que elas identifiquem as violências física, psicológica e moral”, esclareceu Joelma.

                “Antigamente se dizia que em briga de marido e mulher ninguém mete a colher. Hoje vimos que têm que se meter sim. As mulheres têm que ser unidas”, justificou a secretária adjunta. Ela reforçou que é preciso que haja empatia com a situação de outras pessoas para que auxiliem a denunciar e assim saiam de um cenário de violência.

SERVIÇO: O Cras do Jardim Caiuby está localizado na Rua Ribeirão Preto, 09. Mais informações pelo 4648-8125.

Deixe seu comentário: